Ligue (79) 3246-2770
E se você bater o carro alugado, o que acontece?
18 de agosto de 2020
batendo-carro-alugado

Antes de qualquer discussão sobre o que fazer quando acontece um sinistro utilizando um carro de locadora, considere essencial a contratação de seguro veicular para carros alugados. A hipótese de não contratação desse serviço “extra” na locação de veículos é somente para quem possui muito dinheiro livre para arcar com prejuízos da perda total ou parcial de um carro. Afinal, o custo de um seguro é infinitamente menor do que o prejuízo de uma batida de carro, via de regra!

Dito isso e, consciente dessa contratação do seguro, posso te afirmar com tranquilidade que você não tem muito com que se preocupar. Acredite, em pouco mais de 10 minutos na locadora, você já pode sair com outro carro novo e deixar o que foi batido que eles resolverão os problemas a partir daí.

Três hipóteses mais comuns que podem ocorrer com você:

1) Você bateu o carro sozinho;

2) Você bateu o carro em outro carro;

3) Um outro veículo bateu no seu carro alugado.

Em ocorrendo um sinistro de imediato:

Verifique se todos os envolvidos no acidente estão bem, sinalize o local e troque contatos com o outro envolvido. Caso não esteja andando ou alguém esteja ferido, ligue para a Polícia.

Antes de ir à delegacia, ligue para a empresa de locação e avise. Em algumas delas, é necessário comparecer pessoalmente para preencher o relatório de sinistro. Na delegacia, você deve registrar o Boletim de Ocorrência. É por ele que a locadora vai analisar se será necessário que você cubra os custos.

Não deixe de avisar a locadora imediatamente. Algumas têm a política de receber o aviso em um prazo de 24 horas após a ocorrência. Depois desse período, o seguro pode ser invalidado. Se necessário, a locadora também poderá ajudá-lo com guincho e assistência no local.

Se o sinistro for apenas um amassado, ligue para a empresa e avise. Se o carro não estiver em boas condições, será feita a troca do veículo. Por isso, é muito importante analisar a cobertura de riscos antes de assinar o contrato. Muitas locadoras obrigam o usuário a assinarem uma proteção obrigatória dentro da diária da locação.

Voltando para as hipóteses:

1) Você bateu o carro sozinho:

Vá a locadora devolver o carro, negocie e pague a cobertura de risco (franquia) e, caso seja, já saia de lá com outro carro novo. Parece simples? É simples.

Caso 2) Você bateu o carro em outro carro:

Idem Caso 1, porém (e bem provavelmente) você terá que arcar além da franquia, todos os prejuízos causados ao terceiro. A não ser que tenha contratado esta cobertura no aluguel do veículo. Atenção: geralmente não está inclusa a cobertura de danos para terceiros.

Caso 3) Um outro veículo bateu no seu carro alugado:

O ideal nesse caso é que quem bateu no seu carro alugado te acompanhe até a locadora e lá negocie e pague sua franquia e/ou se responsabilize pelo conserto. De qualquer maneira, avise a locadora do sinistro. Caso a pessoa que bateu não compareça, deverá pagar sua franquia para que o carro possa ser devolvido e, posteriormente você possa acioná-lo na justiça.

Informações importantes

Se você dirigir alcoolizado ou cometer um acidente por imprudência ou excesso de velocidade, a locadora não acará com o prejuízo.

Cuidado!

Leia o contrato e todas as cláusulas.

Tópicos relacionados: aluguel de carro // seguro auto
Você está na categoria: