Ligue (79) 3246-2770
E se você bater seu carro durante o estado de emergência. O seguro cobre os danos?
11 de abril de 2020

Desde o dia 4 de março de 2020, o governo federal decretou estado de emergência em saúde pública por causa do surto mundial do novo coronavírus. Em alguns estados os próprios governadores estão executando medidas de restrição de circulação de pessoas. Dentre as medidas bastante rigorosas, o prefeito da cidade de São Paulo, Bruno Covas, estuda fechar ruas de SP para aumentar isolamento social. Não por acaso, a cidade que é a maior economia do país já enfrenta as duras consequências do aumento das infecções.

Caso se concretize a limitação de circulação de veículos pela cidade, é altamente recomendável que os proprietários de veículos que possuem seguro auto, respeitem os decretos estabelecidos, com risco no caso de descumprimento, a não serem atendidos na totalidade de suas coberturas, ao menos naquelas facultativas.

Sendo a cobertura facultativa, a resposta quanto ao impacto de um sinistro em que o responsável não cumpriu uma determinação legal, dependerá da listagem de exclusões que o contrato prevê. Isto significa que se bater com o carro numa situação de violação do estado de emergência só as coberturas de responsabilidade civil contra terceiros poderão ser acionadas, as outras, mesmo que tenha seguro contra todos os riscos, poderão não estar cobertas.

Por isso, atenção para as determinações de âmbito municipal, estadual e federal. #FiqueEmCasa pela sua saúde e pela saúde de todos.